SOCORRO...VEM AÍ A ESCOLA, OUTRA VEZ!

Updated: Aug 31, 2019



“livros, cadernos, TPC’s, agitação e stress, queixas da professora”

Será assim que muitos pais definem o início do ano escolar. Entre os horários dos pais, os trabalhos de casa, as actividades extra-curriculares e as rotinas diárias, as famílias acabam por ter pouco tempo para interagirem com qualidade, ao contrário do que acontece nas férias.

Mas, não tem de ser assim. As seguintes estratégias podem ajudar a contrariar a correria, trazendo alguma qualidade de vida para o seu dia-a-dia:

reveja a sua hora de dormir e a dos seus filhos: dormir bem e descansar é fundamental para que, no dia seguinte, acorde com mais energia e mais confortável. Ir um pouco mais cedo para a cama, vai permitir que se levante mais cedo e com uma maior sensação de bem-estar;

em vez do velho despertador ou do apito do telemóvel, experimente acordar ao som da(s) música(s) que mais gosta e, de preferência, aquelas que lhe dão vontade de pular e dançar. O seu cérebro irá libertar substâncias que lhe darão mais bem-estar e o dia começa bem melhor;

– se o seu filho(a) tem um despertar “difícil” nos dias de escola (e ao fim de semana acorda incrivelmente às 7h da manhã!), provavelmente não estará a descansar ou suficiente ou alguma situação relacionada com a escola o estará a deixar desconfortável. Pode experimentar a estratégia anterior e, simultaneamente (mas noutra altura do dia), falar com ele no sentido de perceber se algo se passa;

evite o stress ao pequeno-almoço. A primeira refeição deve ser feita calmamente e sem pressas. Se o dia começa apressado é provável que o seu filho permaneça agitado ao longo do dia, chegando ao fim bastante mais cansado e rabugento;

– durante o jantar (ou preferencialmente após a refeição), procure conversar sobre o dia na escola e partilhe, também, o seu. É provável que a criança ofereça alguma resistência na fase inicial, mas não desista e continue a partilhar os seus momentos. Um dia ela começa, espontaneamente, a partilhar também os seus. E acima de tudo não traga os “ralhetes” da professora para a hora das refeições;

– quando a criança vem da escola, permita que brinque um pouco antes de fazer os trabalhos de casa. Podem criar em conjunto um quadro de horários /actividades diárias, colocando-o num local acessível e visível para todos. E cumpra o que estabeleceu. Se um dia deixa brincar e no outro não (por exemplo, porque está atrasada/o), a criança deixa de saber com o que conta e vai tentar brincar fora do período acordado.

– no fim de semana retire, pelo menos, uma parte do dia em que fica totalmente disponível para as crianças e para os momentos de lazer. Brinque, jogue, dê passeios e verá renascer a sensação de quando estão em férias.

Apesar das crianças serem habitualmente enérgicas e ativas, também precisam de pausas e de momentos mais calmos.

Tenha presente que se os pais estiverem agitados é certo que os filhos também irão ficar. Tente prevenir e evitar o mais possível as situações de stress nas actividades diárias e verá que a qualidade de vida em família melhorará, substancialmente.

Helena Coelho, para Up To Kids® Todos os direitos reservados

imagem@shutterstock

#família #regressoàsaulas

8 views

Psicomindcare 2020. Todos os direitos reservados. 
Os conteúdos deste website podem ser alterados sem aviso prévio.

NIPC: 510 263 631